Video: Demolições em Cacuaco
Por Maka Angola - 10 de Fevereiro, 2013

Milhares de moradores do bairro Mayombe, no município de Cacuaco, em Luanda, retirados à força de suas casas, numa operação de demolições em massa, que teve lugar a 1 e 2 de Fevereiro.

Mais de 5,000 pessoas, segundo estimativas preliminares, foram desalojadas nesta operação, que contou com centenas de efectivos das forças militares, policiais e de segurança, apoiados por sete helicópteros.

As famílias desalojadas foram transferidas para Kaope-Funda, uma área sem qualquer tipo de abrigo ou infra-estruturas básicas, criando uma situação de potencial desastre humanitário.

Ver Próxima Maka Ver Maka Anterior

6 Responses to “Video: Demolições em Cacuaco”

  1. Eles sempre estão com o espírito guerrilheiro. Não havia lógica de levarem equipamento de guerra, não basta o grande líder que eles mataram SAVIMBI, que morreu pelo povo ? Querem mais acabar o próprio indefeso.

  2. Povo oprimido says:

    Exemplo Angola é exemplo de que? Com um ditador no poder e um povo covarde e submisso, uma nação de mentiras que alimenta máfias de estrangeiros é um exemplo em que? Mentir? Só se for mentir para a opinião publica internacional que colabora para o flagelo e a exploração do país até seus limites.

  3. Prof.Kiluange says:

    Enquanto que a filha primogénita de Dos Santos é capaz de adquirir ações e bens imobiliários no valor de bilhões e de dólares,em Portugal e daí para o mundo afora..Solução,o ideal seria a imediata e incondional demissão de José Eduardo dos Santos, dissolução do parlamento, criação de uma comissão permanente (composta por todas as forças vivas da nação),comissão de conciliação e inclusão nacional , renegociação da cláusulas contratuais gerais da criação da China Sonangol International Holding Limited, préstamos contraídos ao governo chinês e tantos outros governos estrangeiros, a presença de mais de 256 (?) mil chinos no nosso território nacional, reestruturação completa do aparelho estatal (econômico, político e jurídico,militar, comunicação social, educação e agricultura) etc, etc,etc.

  4. Prof.Kiluange says:

    Esteve em Angola, há poucas semanas atrás, o director geral do Fundo das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), José Graziano da Silva…e depois do encontro com o José Eduardo dos Santos,Da Silva afirmou que Angola será homenageada na proxima reunião da FAO, agendada para Junho de 2013, em Roma (Itália),graças a "redução da metade de proporção de pessoas subnutridas" Que dados terá baseado o relatório final da FAO, quando ainda não existem nformações referentes a numeração relativa, concreta e subjectiva de habitantes em Angola?!.Quisesse a FAO, em Angola, ser honesta para consigo mesma, teria a decência moral de investigar as demolições arbitrárias aí operantes, antes de fazer os seus investimentos!? Por que não se vai buscar… “financiamentos fictícios da Máfia Russo-Chinesa”, em detrimento do próprio proprietário dessa terra até torna-lo mendigo!!!!!, a tal ponto de uma em cada quatro crianças angolanas sofrer de má nutrição crónica e morrer de fome… para depois …recorrer-se …ao auxilio da FAO!?..

  5. EDUARDO MUANA KENGUE says:

    OS ANGOLANOS DEVEM POR SE A QUESTÀO,QUE ESTE GOVERNO QUE OPTA UMA CONSTITUIÇÀO EM QUE O DIREITO HUMANO É GARANTIDO,PARA A DEMOLIÇÀO DE CASAS FORAM USADAS ELICOPTROS,MILITARES EM UM ESTADIO DE ASSEDIO DE GUERRA,SERÀ QUE EM CACUACO TINHA CASERMAS DE INIMIGOS OU A MESMA POPULAÇÀO QUE LHES DERAM VOTOS.NÀO HAVIA UMA OUTRA FORMA DE DESALOJAR SE NÀO COM ANTISOMOÇAS EM ESTADO DE GUERRA OU FOME DE GUERRA JA QUE O REGIME A UNICA FORMA DE OPRESSÀO QUE OPTA.A TERRA EM TODOS ESTADOS DEMOCRATICOS E PLURALISTAS,PERTENCE AO POVO E TOCA O GOVERNO A GESTIRE ADMINISTRADAMENTE,HOJE EM ANGOLA,A TERRA É DO ESTADO.BHE,MUITOS E NÀO SO EU QUE PERGUNTO,SE A NOSSA CONSTITUIÇÀO É MODELO TIPO,ALEMÀO,FRANÇEIS OU AMERICANO;E A DITADURA ANGOLANA É TIPO QUE??

  6. helderabelsaquele says:

    Eu penso que é uma vergonha usar meios bélicos por quanto foram demolir residencias de populares indefesos.
    Assusta-me bastante quando o regime diz que angola é um exemplo em áfrica e no mundo.



Sondagem

O governo não reconhece juridicamente a Rádio Ecclesia, não permite a sua expansão, mas apoia-a financeiramente. Há censura na emissora católica. O caso revela:

View Results

Loading ... Loading ...
Partilhar Sondagem

A guerra sem fim no leste da República Democrática do Congo



A partir do leste do Congo, a FDLR, responsável pelo genocídio no país vizinho, continua a tentar atacar o Ruanda e a atormentar a população local congolesa. Para se defenderem, as aldeias congolesas formam milícias.

Ler Mais →

Mais cinco dólares anuais por pessoa podiam salvar 187 milhões



Este pequeno investimento, até 2035, seria suficiente para os Estados mais pobres reduzirem a mortalidade. Uma maior aposta também na educação seria a alavanca para o crescimento económico, segundo a OMS.

Ler Mais →

CPLP lança campanha de combate à fome



Cerca de 28 milhões de pessoas sofrem de desnutrição no espaço lusófono. Para dar resposta ao problema, a CPLP lançou uma iniciativa internacional e pretende angariar até ao final de ano seis milhões de euros.

Ler Mais →

© 2014 Maka Angola Todos os direitos reservados.
É expressamente proibida a reprodução de parte ou da totalidade dos conteúdos do Maka Angola, mediante qualquer forma ou meio, sem prévia e formal autorização.
Caso tenha interesse em reproduzir conteúdos do Maka Angola, envie uma mensagem a [email protected] a solicitar a devida autorização.