(English) The U.N. and Ban’s Propaganda in Angola
Por Maka Angola - 02 de Março, 2012

Desculpe-nos, mas este texto está apenas disponível em Inglês.

Ver Próxima Maka Ver Maka Anterior

2 Responses to “(English) The U.N. and Ban’s Propaganda in Angola”

  1. Rui Lis says:

    Sempre achei mal elegerem um Pokemon. As NU são uma farsa, uma personagem de manga não se adequa. Contudo, o Bankemon tem feito os possíveis e tem saído um farsolas menos mau. Cumprimentar um ditador não eleito pela estabilidade política, temos que admitir que é uma laracha jeitosa. O bankemon acha que em termos de democracia, se melhorar estraga, e em vez daqueles palhacetes que de 4 em 4 anos se submetem a sufrágios e mariquices quejandas não há nada que chegue à boa e velha designação pelo Comité Central. Funciona para o Santos, funciona para o chinoca, e o Bankemon gosta pouco, gosta.

  2. Al Felix says:

    As long as the Angolan Government finds itself exempt of the criticisms from the United Nations just because of its economic sufficiency that masquerade the real ills of the country, then I have to say that even the Millennium Development Goals will not be seriously implemented for the development of the country. Contradictions and lack of accountability, isn't it?



Sondagem

O governo não reconhece juridicamente a Rádio Ecclesia, não permite a sua expansão, mas apoia-a financeiramente. Há censura na emissora católica. O caso revela:

View Results

Loading ... Loading ...
Partilhar Sondagem

A guerra sem fim no leste da República Democrática do Congo



A partir do leste do Congo, a FDLR, responsável pelo genocídio no país vizinho, continua a tentar atacar o Ruanda e a atormentar a população local congolesa. Para se defenderem, as aldeias congolesas formam milícias.

Ler Mais →

Mais cinco dólares anuais por pessoa podiam salvar 187 milhões



Este pequeno investimento, até 2035, seria suficiente para os Estados mais pobres reduzirem a mortalidade. Uma maior aposta também na educação seria a alavanca para o crescimento económico, segundo a OMS.

Ler Mais →

CPLP lança campanha de combate à fome



Cerca de 28 milhões de pessoas sofrem de desnutrição no espaço lusófono. Para dar resposta ao problema, a CPLP lançou uma iniciativa internacional e pretende angariar até ao final de ano seis milhões de euros.

Ler Mais →

© 2014 Maka Angola Todos os direitos reservados.
É expressamente proibida a reprodução de parte ou da totalidade dos conteúdos do Maka Angola, mediante qualquer forma ou meio, sem prévia e formal autorização.
Caso tenha interesse em reproduzir conteúdos do Maka Angola, envie uma mensagem a info@makaangola.org a solicitar a devida autorização.